Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Dez instituições públicas do Rio acham retorno presencial em 2020 ‘improvável’

    UFRJ, UERJ, UFF e Colégio Pedro II são alguns dos signatários de nota conjunta

    Sala de aula vazia em faculdade durante pandemia de coronavírus
    Sala de aula vazia em faculdade durante pandemia de coronavírus Foto: Amanda Perobelli - 13.mar.2020/Reuters

    Estadão Conteúdo

    Em nota conjunta, reitores de dez instituições de ensino público do Rio de Janeiro afirmam que é “bastante improvável” o retorno de aulas presenciais ainda em 2020 por causa da pandemia do novo coronavírus.

    Assinam o texto representantes da UFRJ, UERJ, UFF, do Colégio Pedro II e de outros seis locais de ensino.

    Leia também:

    Escolas particulares do Rio poderão retomar as aulas a partir de 3 de agosto

    Volta às aulas em escolas particulares do Rio não contemplará todas as séries

    As instituições avaliam que as atividades devem ser retomadas em três etapas: remotas, semipresenciais e presenciais. Dizem ainda que, além de analisar os números da pandemia no estado para tomar decisões, é importante considerar a situação de cada universidade ou instituto – já que cada uma vive uma realidade diferente no quesito infraestrutura, por exemplo.

    “Em particular, chamamos a atenção para algumas instituições mais jovens e/ou localizadas no interior do Estado, que não apresentam infraestrutura mínima necessária para dar suporte ao retorno das atividades na forma presencial ou remota”, apontam os reitores.

    Além de classificar como improvável o retorno neste ano, o texto afirma ainda que não sabe quando as atividades presenciais poderão ser retomadas. A única exceção tida como possível, no curto prazo, é a de estudantes que necessitem da estrutura física para concluir seus cursos. É o caso, por exemplo, da área de Saúde.

    “Para estes alunos, caso a Instituição de Ensino opte por seu retorno precoce, deve-se prover os equipamentos necessários para a proteção dos mesmos”, explica a nota.

    Veja abaixo a lista dos reitores de instituições públicas que assinam o texto:

    Antonio Claudio Lucas da Nóbrega (Reitor – UFF)

    Denise Pires de Carvalho (Reitora – UFRJ)

    Jefferson Manhães de Azevedo (Reitor – IFF)

    Maria Cristina de Assis (Reitora – UEZO)

    Oscar Halac (Reitor – Colégio Pedro II)

    Rafael Barreto Almada (Reitor – IFRJ)

    Raul Ernesto Lopez Palacio (Reitor – UENF)

    Ricardo Luiz Berbara (Reitor – UFRRJ)

    Ricardo Lodi Ribeiro (Reitor – UERJ)

    Ricardo Silva Cardoso (Reitor – UNIRIO)