Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Empresário Thiago Brennand tem quarta prisão preventiva decretada

    Ex-miss e estudante de medicina Stefanie Cohen alega ter sido dopada e estuprada por Brennand em um hotel de São Paulo

    Empresário Thiago Brennand
    Empresário Thiago Brennand Reprodução/ Instagram

    Manoela Carluccida CNN*

    Em São Paulo

    O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) recebeu uma denúncia de estupro contra o empresário Thiago Brennand e decretou, na última segunda-feira (6), a quarta prisão preventiva contra ele.

    Pelas redes sociais, a ex-miss e estudante de medicina Stefanie Cohen, que acusa o empresário de tê-la dopado e estuprado, fez um desabafo “poderia vir aqui comemorar, fingir que estava feliz, poderia adotar uma conduta ‘instagramável’, mas eu não sou assim. Hoje foi um dos dias mais difíceis da minha vida desde que essa jornada começou. Eu estou vivendo tentando não lembrar de tudo o que aconteceu comigo, mas é muito difícil. Fico pensando que ainda tive sorte de não ficar em cárcere privado como tantas outras.”, disse.

    À CNN, Cohen afirmou que durante um jantar, ele a dopou com um drink “fiquei extremamente desorientada”. Foi então que ele levou a estudante para um hotel em São Paulo, onde ocorreu o abuso, em outubro de 2021.

    Na manhã do dia seguinte, Stefanie relata que acordou, abriu a porta do quarto e viu um segurança armado, Brennand estava em outro quarto.

    Para sair do hotel, o segurança armado a levou embora. “Ele queria que eu pegasse minhas coisas e fosse para o Condomínio Boa Vista, (onde o empresário já manteve outra mulher em cárcere privado), mas eu consegui escapar e fugir para o condomínio fechado onde eu moro”, diz.

    Quando chegou em seu apartamento, ela conta que Brennand encaminhou um vídeo íntimo a ameaçando.

    Desde então os dois nunca mais se viram. Ele encaminhou para ela uma mensagem pedindo que ela testemunhasse a favor dele no dia em que ele saiu do país. Stefanie não respondeu.

    Depois que a prisão preventiva do empresário foi decretada, Cohen comentou sobre a notícia nas redes sociais, “Eu meti a cara na TV sabendo o tipo de pessoa que iria contra. Hoje sai mais uma prisão preventiva de um dos maiores monstros que esse país já viu. Jamais serei como antes, nada mudará isso, mas o certo eu fiz.”

    O processo corre em segredo de justiça. Thiago Brennand é considerado foragido pela Polícia Civil de São Paulo.

    Relembre outras condenações de Brennand

    O empresário e herdeiro Thiago Brennand foi flagrado por câmeras de segurança agredindo a modelo Helena Gomes, em uma academia em São Paulo. O caso foi revelado pelo ‘Fantástico’ e com a notabilidade, várias outras vítimas de abuso por Brennand começaram a surgir.

    Cerca de dez mulheres chegaram a o denunciar por crimes como estupro, ameaça, lesão corporal e cárcere privado.

    Até o momento, Brennand tem quatro prisões preventivas decretadas e é considerado foragido pela Polícia Civil, uma vez que saiu do país e está há mais de 6 meses nos Emirados Árabes, com um processo de extradição em andamento.

    *Sob supervisão de Evelyne Lorenzetti