Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Funkeiro é investigado por maus-tratos após cachorro ter comido maconha

    Em vídeo que circula nas redes sociais, MC Poze do Rodo diz que animal teve de ser hospitalizado após comer a droga

    MC Poze do Rodo
    MC Poze do Rodo Reprodução/Instagram

    Da CNN

    A Polícia Civil do Rio de Janeiro abriu processo de investigação contra o cantor MC Poze do Rodo por maus-tratos a animais.

    O funkeiro, cujo nome de batismo é Marlon Brandon Coelho Couto Silva, postou um vídeo em suas redes sociais no qual ele diz que o cachorro, chamado de Zé Droguinha, passou mal e teve de ser levado ao veterinário após comer maconha.

    No relato, o funkeiro disse que deixou o cachorro sozinho em casa para ir jogar futebol. “Zé Droguinha, olha o nome do cachorro, adivinha o que aconteceu? Ele comeu um pedaço do fumo do pai e passou mal, foi parar sabe aonde?”, disse o funkeiro.

    O processo foi instaurado pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA), que irá apurar as informações.

    De acordo com a delegacia, “o cantor será ouvido e outras diligências estão em andamento para apurar os fatos”.

    Nesta quinta-feira (19), após o caso ganhar repercussão, o funkeiro postou em seu Instagram uma foto de uma reportagem de um canal de televisão sobre o caso e ironizou a cobertura, dizendo que o canal deveria tratar do lançamento de seu novo clipe.

    (Publicado por Gabriel Ferneda. Com informações de Gabriela Koga)