Hackers invadem sistema e exibem vídeos pornôs no aeroporto Santos Dumont, no Rio

Infraero informou que o ataque não colocou em risco o sistema de informações de voos e que medidas legais já foram tomadas

Aeroporto Santos Dumont
Aeroporto Santos Dumont Foto: REUTERS/Ricardo Moraes

Iuri Corsinida CNN

Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Após um ataque hacker sofrido pela empresa que veicula anúncios publicitários nos totens do aeroporto Santos Dumont, nesta sexta-feira (27), vídeos de um site de pornografia foram exibidos em alguns dos totens do local.

A Infraero informou, no entanto, que o ataque não colocou em risco o sistema de informações de voos, uma vez que os monitores de mídia “são de responsabilidade das empresas exploradoras de publicidade, que utilizam redes lógicas e sistemas próprios de divulgação”.

De acordo com a empresa responsável por operar o aeroporto Santos Dumont, em nota divulgada à imprensa, medidas legais já foram tomadas.

“Ao tomar conhecimento da publicação indevida em um dos monitores publicitários do Aeroporto de Santos Dumont, a Infraero tomou as medidas legais cabíveis, com registro de boletim de ocorrência e comunicação à Polícia Federal, bem como a notificação da empresa terceirizada responsável pela sua gestão para tomar providências quanto à segurança das informações veiculadas em totens de mídia nesta sexta-feira”.

A Infraero também comunicou que, diante do que aconteceu, os monitores afetados foram desconectados.

“Nesse sentido, reforçando seu compromisso com a segurança de seus passageiros, informamos que os monitores relacionados ao caso permanecerão desligados em nossa rede de aeroportos até que esteja garantida pela empresa exploradora de mídia sua confiabilidade”, afirmou a empresa.

Mais Recentes da CNN