Lateral Ramon, do Flamengo, é indiciado por morte de ciclista no Rio de Janeiro

De acordo com a investigação, imprudências do atleta, que estava acima da velocidade permitida, e da vítima, que pedalava cruzando as faixas da via, foram determinantes para o acidente

Carro de Ramon após acidente
Carro de Ramon após acidente Divulgação

Maria Mazzeida CNN

Ouvir notícia

O lateral do Flamengo, Ramon Ramos Lima, foi indiciado nesta segunda-feira (27) por “homicídio culposo na direção de veículo automotor” pelo atropelamento, que resultou na morte do ciclista Jonatas Davi dos Santos, de 30 anos.

O acidente aconteceu na noite do dia 4 de dezembro na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Jônatas estava de bicicleta e trabalhava fazendo entregas de comida por aplicativo.

De acordo com a conclusão da investigação, conduzida pela delegacia da Barra da Tijuca (16ª DP), a imprudência de ambos foi determinante para o acidente.

Com base em perícias e em análises de imagens das câmeras que gravaram o percurso, o jogador de futebol dirigia entre 20% e 50% acima da velocidade máxima permitida na via e o entregador pedalava cruzando as faixas de rolamento da Avenida das Américas, que possui grande fluxo de veículos.

O relatório de conclusão do inquérito foi encaminhado ao Ministério Público do Rio de Janeiro. De acordo com o documento, assinado pelo delegado Leandro Gontijo, o carro dirigido por Ramon, um Honda Civic, é registrado por câmeras de monitoramento de vias nas zonas Oeste e Sul às 20h21, às 20h27, 20h31.

Ramon levou uma multa por trafegar por excesso de velocidade, entre 20% e 50% acima do permitido, na pista lateral de uma via no sentido São Conrado, poucos metros do local onde ocorreria o atropelamento.

A máxima permitida naquela região é de 70 km/h, e o equipamento de radar mediu que a velocidade do Honda Civic era de 110 km/h.

O carro, porém, não avançara o sinal, passando pelo semáforo 14 segundos após sua abertura. As imagens gravadas pela concessionária BRT mostram o sinal abrindo às 20h29 e fechando às 20h30, reabrindo às 20h31 e a colisão com a bicicleta acontece exatamente 14 segundos depois.

Mais Recentes da CNN