Liesa já planeja venda de ingressos para desfiles do Carnaval de 2022

Liga está otimista com o andamento da campanha de vacinação contra a Covid-19

Viradouro é campeã do Carnaval do Rio de Janeiro
Viradouro é campeã do Carnaval do Rio de Janeiro Foto: Agência Brasil (06.jan.2020)

Lucas Janone e Stéfano Salles, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Depois de um ano sem folia, a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) do Rio de Janeiro planeja a retomada dos desfiles para 2022. Para isto, prevê que as os barracões da Cidade do Samba sejam desinterditados para o início dos trabalhos de preparação dos desfiles entre junho e julho. Neste mesmo período, a entidade espera iniciar a comercialização dos ingressos para os dois dias de apresentações na Marquês de Sapucaí. 

As previsões foram feitas à CNN pelo novo presidente da liga, Jorge Perlingeiro, conhecido por ser o locutor oficial das notas e dos resultados na apuração, sempre às quartas-feiras de cinzas. Apesar de não confirmar a realização da festa em 2022, porque as autorizações dependem das autoridades de saúde do município, que também gere o sambódromo, o dirigente afirmou que a possibilidade do evento voltar a ocorrer é grande. 

“É uma projeção apenas, não temos como garantir ainda. Mas, diante o avanço da vacinação no Rio e no Brasil é bem possível que o desfile vá acontecer, vamos nos preparar. Até metade de julho os trabalhadores devem voltar”, destacou Perlingeiro. 

De acordo com o município, duas milhões de pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19 na capital, o que representa 29,7% da população vacinada. No entanto, participam agremiações de outros municípios e há um grande contingente de turistas na festa. De acordo com o governo do estado, pouco mais de três milhões de pessoas foram imunizadas nos 92 municípios do Rio, o que corresponde a 17,4% da população.

A pandemia de Covid-19 interrompeu uma sequência de quase 90 anos de desfiles na cidade. Nem sempre, porém, o Carnaval carioca teve o Sambódromo como endereço. A primeira edição, em 1932, ocorreu na Praça Onze. Desde então, ocorreu em diversas vias públicas do Centro, até a inauguração da Marquês de Sapucaí, em 1984. 

Em 2022, os desfiles do Grupo Especial do Carnaval do Rio de Janeiro estão previstos para os dias sete e oito de março (sábado e domingo). As 12 agremiações já definiram seus enredos para a festa. A mudança mais recente ocorreu no início de março, quando a São Clemente, de Botafogo, Zona Sul, decidiu homenagear a obra do ator e humorista Paulo Gustavo, morto no dia quatro de maio, vítima de complicações da Covid-19. 

A agremiação originalmente levaria à passarela o enredo “Ubuntu”, sobre uma filosofia africana que transmite mensagens de humanismo e amor ao próximo. A Acadêmicos do Viradouro, de Niterói, venceu em 2020 com o enredo “Viradouro de alma lavada” e segue como atual campeã da festa.

Mais Recentes da CNN