Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nordeste continua sob alerta para chuvas fortes nesta terça-feira (5)

    Nas demais regiões do Brasil, ar seco impede a formação de nuvens de chuva

    Sobrevoo de áreas afetadas pela chuva em Recife
    Sobrevoo de áreas afetadas pela chuva em Recife Clauber Cleber Caetano/PR

    Lucas Schroeder*da CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Estados da região Nordeste do país continuam nesta terça-feira (5) sob alerta para risco de chuvas fortes nas capitais Maceió, Fortaleza, São Luís, Belém, Macapá e Boa Vista.

    Segundo a Climatempo, o litoral do Rio Grande do Norte também volta a receber grandes volumes de chuva. De acordo com medição do Centro Nacional de Desastres Naturais, nas últimas 48h a região da Ponta Negra, em Natal, recebeu 259 mm de chuva – o que corresponde a média normal de chuva para todo o mês de julho, que é de 254 mm.

    Há condições de chuva forte no litoral norte da Bahia, em Sergipe e Alagoas – um dos estados mais afetados pelas condições climáticas.

     

    Atenção também para chuva moderada a forte, com raios e vento forte nos estados do Ceará, Piauí, Pará, Amapá, Amazonas, Roraima e Rio Grande do Sul.

    A região Norte tem grandes períodos com sol, mas ocorrem pancadas de chuva com raios principalmente à tarde e à noite no oeste do Acre, no Amazonas, no centro, oeste e norte do Pará, no Amapá e Roraima.

    Na maioria das áreas do Sudeste e do Centro-Oeste e no Tocantins, a preocupação é com ar muito seco, que impede a formação de nuvens de chuva no país, com níveis de umidade entre 20% e 30% nas horas mais quentes do dia.

    No Sudeste, há previsão de chuva ocasional no centro e norte do Espírito Santo, incluindo a região de Vitória, mas o sol aparece.

    Uma frente fria se afasta da Região Sul, na altura do litoral do Rio Grande do Sul. Nuvens de chuva crescem no sul gaúcho, mas a maioria das áreas da região do país têm apenas nebulosidade do tipo alta, que não provoca chuva.

    Mais Recentes da CNN