Número de afogamentos cai 38% nas praias do estado do Rio de Janeiro

Foram 394 resgates a menos nos primeiros 15 dias deste ano em comparação com o mesmo período de 2021

Praia de Copacabana, no Rio
Praia de Copacabana, no Rio Fernando Frazão/Agência Brasil

Nathalia Teixeirada CNN*

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Com a Operação Verão 2022 do Corpo de Bombeiros em andamento, o estado do Rio de Janeiro registrou uma baixa de 38% no número de resgates nos primeiros 15 dias de janeiro deste ano em comparação com 2021. Mesmo com chuva, foram realizados 643 afogamentos no mar neste período. De acordo com a corporação, a redução está relacionada às estratégias de prevenção reforçadas com o implemento de bandeiras de sinalização e totens informativos.

Na capital fluminense, o número de afogamentos caiu cerca de 33%. Em 2021, foram 511 salvamentos entre os dias 1º e 15 de janeiro. Já em 2022, foram 341 resgates neste mesmo período. Na cidade de Niterói, a queda foi mais expressiva, 63%.

A Operação Verão 2022 vai até o mês de março. Essa ação do Corpo de Bombeiros tem o objetivo de reforçar as ações táticas de prevenção e salvamento marítimo em todo o Estado. Nesta época, há registros de aumento significativo da frequência de banhistas e do tráfego de embarcações nas praias.

A corporação recomenda ainda que os banhistas procurem sempre locais próximos aos postos de guarda-vidas; respeitem as bandeiras de sinalização; perguntem ao guarda-vidas qual o local mais apropriado para o banho de mar; não ingiram bebidas alcoólicas e entrar no mar.

*Sob supervisão de Isabelle Resende

Mais Recentes da CNN