Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Onda de calor sufocante: alerta de perigo do Inmet atinge cinco estados; veja quais

    Temperatura deverá chegar a 39ºC no Sul e de 38ºC no Sudeste; em Corumbá (MS), máxima pode atingir 40ºC

    Temperatura em estados afetados pode ser até 5ºC maior do que a média
    Temperatura em estados afetados pode ser até 5ºC maior do que a média Pixabay

    Da CNN

    O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de perigo para a onda de calor sufocante que atinge o país nesta semana. O alerta vale desde a tarde de ontem até as 18h da próxima sexta-feira (15) e abrange cinco estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul.

    Segundo o instituto, nesses estados a temperatura registrada pode chegar a 5ºC acima da média por um período de três a cinco dias, com riscos à saúde.

    Nas regiões afetadas pela onda de calor, as temperaturas máximas nesta terça-feira (12) são de 39ºC no Sul e de 38ºC no Sudeste, ainda conforme o Inmet. Em Corumbá (MS), os termômetros poderão chegar a 40ºC, informa a Climatempo.

    Veja as áreas afetadas pela onda de calor:

    • Norte Pioneiro Paranaense
    • Serrana (SC)
    • Oeste Catarinense
    • Sudoeste Rio-grandense
    • Presidente Prudente (SP)
    • São José do Rio Preto (SP)
    • Leste do Mato Grosso do Sul
    • Noroeste Rio-grandense
    • Bauru (SP)
    • Piracicaba (SP)
    • Centro Ocidental Rio-grandense
    • Ribeirão Preto (SP)
    • Araçatuba (SP)
    • Região Metropolitana de Porto Alegre (RS)
    • Noroeste Paranaense
    • Marília (SP)
    • Norte Central Paranaense
    • Sudoeste do Mato Grosso do Sul
    • Sudeste Rio-grandense
    • Araraquara (SP)
    • Sudoeste Paranaense
    • Oeste Paranaense
    • Pantanal Mato-grossense
    • Nordeste Rio-grandense
    • Itapetininga (SP)
    • Sudeste Paranaense
    • Centro Oriental Paranaense
    • Centro Oriental Rio-grandense
    • Assis (SP)
    • Região Metropolitana de Curitiba (PR)
    • Centro-Norte do Mato Grosso do Sul
    • Norte Catarinense
    • Centro-Sul Paranaense
    • Vale do Itajaí (SC)
    • Campinas (SP)

    Veja o mapa das regiões afetadas:

    Área em laranja mostra as regiões afetadas pela onda de calor
    Área em laranja mostra as regiões afetadas pela onda de calor / Reprodução/Inmet

    Chuvas intensas

    Além da onda de calor, o Inmet emitiu nesta terça um alerta de perigo potencial para chuvas intensas em partes do Norte e do Nordeste e no norte das regiões Centro-Oeste e Sudeste. O alerta é válido até a manhã da próxima quarta-feira (13).

    Entre os estados atingidos estão Acre, Amazonas, Pará, Amapá, Rondônia, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Mato Grosso, Goiás, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.

    Segundo a Climatempo, a maioria das capitais do Nordeste deve receber mais de 100 milímetros de chuva até o próximo sábado (16).

    Em Teresina (PI) e Natal (RN), a previsão é de que as chuvas passem de 140 milímetros até sábado. Em São Luís (MA), o volume acumulado pode passar de 145 milímetros. A capital nordestina com menor previsão de chuva é Salvador (BA), com 88 milímetros.

    De acordo com a Climatempo, o excesso de chuvas no Nordeste é consequência da atuação da Zona de Convergência Intertropical. Além disso, as águas do Oceano Atlântico na costa nordestina estão com temperatura acima do normal, o que causa maior evaporação e, portanto, mais chuva.

    (Publicado por Fábio Mathias)