Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Operação contra pornografia infantil tenta cumprir 163 mandados de busca e apreensão nesta quinta (30)

    Brasil e outros seis países trabalham juntos em investigação contra "predadores virtuais"

    Polícias Civis de 13 estados ajudarão na operação
    Polícias Civis de 13 estados ajudarão na operação ESTADÃO CONTEÚDO

    Basília Rodrigues

    Ouvir notícia

    A Operação Luz na Infância, de combate à pornografia infantil, está nas ruas nesta quinta-feira (30) no Brasil e em outros seis países onde investiga crimes de abuso e exploração sexual praticados na internet por “predadores virtuais”. Dos 163 mandados de busca e apreensão, 74 são do Brasil e o restante deverão ser cumpridos no exterior. Prisões em flagrante não estão descartadas e irão depender das buscas.

    Em território brasileiro, a coordenação da operação é do Ministério da Justiça, com atuação das Polícias Civis de pelo menos 13 estados: Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e São Paulo.

    Esta é a nona edição da operação. No total, também participam autoridades dos Estados Unidos, Equador, Costa Rica, Paraguai, Panamá e Argentina.

    Haverá entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira para detalhar o resultado da operação, no Ministério da Justiça.

    No Brasil, a pena para quem armazena pornografia infantil varia de 1 a 4 anos de prisão, de 3 a 6 anos de prisão por compartilhar e de 4 a 8 anos de prisão por produzir conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual.

    Balanço das edições anteriores

    Nas edições anteriores, foram cumpridos 1.611 mandados de busca e apreensão e 597 pessoas foram presas.

    • Luz na Infância 1: 20 de outubro de 2017. Foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. Foram presas 108 pessoas.
    • Luz na Infância 2: 17 de maio de 2018. As Polícias Civis dos Estados cumpriram 579 mandados de busca, resultando na prisão de 251 pessoas.
    • Luz da Infância 3: 22 de novembro de 2018. Operação deflagrada no Brasil e na Argentina com o cumprimento de 110 mandados de busca, resultando na prisão de 46 pessoas.
    • Luz na Infância 4: 28 de março de 2019. Operação deflagrada em 26 estados e no Distrito Federal resultou no cumprimento de 266 mandados e 141 pessoas presas.
    • Luz na Infância 5: 04 de setembro de 2019. Operação deflagrada em 14 estados e do Distrito Federal, além dos Estados Unidos, Paraguai, Chile, Panamá, Equador e El Salvador. A ação resultou no cumprimento de 105 mandados e 51 pessoas presas.
    • Luz na Infância 6: 18 de fevereiro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Colômbia, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 112 mandados de busca e apreensão.
    • Luz na Infância 7: 06 de novembro de 2020. Operação envolveu policiais civis de 12 estados, além dos Estados Unidos, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 136 mandados de busca e apreensão.
    • Luz na Infância 8: 09 de junho de 2021. Operação envolveu policiais civis de 18 estados, além dos Estados Unidos, Equador, Argentina, Paraguai e Panamá. Foram cumpridos no Brasil e nos quatro países 176 mandados de busca e apreensão.

    Mais Recentes da CNN