PF realiza operação de combate ao tráfico de drogas em sete estados brasileiros

Investigação dará cumprimento a 41 mandados de prisão preventiva, 29 de busca e apreensão e 26 de sequestro de bens

Agentes da Polícia Federal
Agentes da Polícia Federal Arquivo/Agência Brasil (12.dez.2019)

Vianey Bentesda CNN

em Brasília

Ouvir notícia

A Polícia Federal (PF) realiza, nesta terça-feira (21), operação de combate a uma organização criminosa que atua no tráfico de drogas nos estados de Roraima, Amazonas, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

A operação “Odisseu” dará cumprimento a 41 mandados de prisão preventiva, 29 de busca e apreensão, inclusive com mandados sendo cumpridos em presídios, e ainda 26 de sequestro de bens.

As investigações começaram em 2019, de acordo com a PF, quando se intensificaram as apreensões de Skunk (uma variedade da Cannabis), em Roraima. A apuração aponta que um único fornecedor seria o principal suspeito de distribuir as drogas.

Logo após, a polícia descobriu que o individuo suspeito também traficava cocaína, e seria o chefe da organização criminosa que transportava grandes quantidades de drogas vindas de Pacaraima, em Roraima, e São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas, municípios fronteiriços, e seguiam para os estados do Sul e Sudeste do Brasil.

Segundo a PF, a organização criminosa tem uma estrutura significativa, que utiliza carros de passeio e carretas com fundo falso para esconder drogas, o que permite o transporte de 25 a 500 kg de ilícitos. Com as investigações em andamento, foram presas dez membros da organização, e apreendidas cerca de 900 kg de drogas, como skunk, cocaína e maconha.

Os envolvidos vão responder por organização criminosa, tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro, com penas que ultrapassam 40 anos de prisão.

Mais Recentes da CNN