Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    PM que negou ajuda a jovem negro ameaçado em SP responderá criminalmente

    Policial que aparece em vídeo foi identificada pela corporação

    PM chuta jovem negro ameaçado em frente à Estação Carandiru, em São Paulo
    PM chuta jovem negro ameaçado em frente à Estação Carandiru, em São Paulo Reprodução

    Vital NetoVictor Aguiarda CNN

    A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) identificou a policial militar que aparece em imagens recusando ajuda a um jovem negro que sofreu ameaças de um homem armado.

    A PM irá responder criminalmente e disciplinarmente pela omissão registrada em vídeo.

    Em nota, a SSP-SP disse que a conduta dela foi considerada grave e que “não condiz com as expectativas da sociedade e muito menos com as responsabilidades do profissional de segurança pública, que deve agir prontamente sempre que presenciar um crime, estando ou não em serviço”.

    O caso aconteceu no último domingo (12) na frente da estação de metrô Carandiru, na zona norte de São Paulo. Além da recusa a ajudar, a policial chegou a agredir o jovem com um chute na barriga.

    O vídeo, veiculado pelo portal Ponte Jornalismo e ao qual a CNN teve acesso, foi registrado por um repórter fotográfico que passava no local no momento da confusão. Ele preferiu não se identificar.

    Nas imagens, é possível ver um homem segurar o rapaz negro pelo pescoço enquanto o ofende inúmeras vezes. Outras pessoas presentes no local gritam frases como “vai roubar não” e “tem emprego pra todo mundo, vai procurar um trampo”.

    Instantes depois, um homem saca uma arma e ameaça atirar no jovem. Para evitar que ele seja baleado, uma mulher, que se refere ao homem armado como “Paulo”, se coloca entre o jovem e o homem armado. Revoltado, ele pergunta se ela “vai defender ladrão”.

    Uma das pessoas que presencia a cena no local é a policial militar, que assiste aos acontecimentos encostada em um muro. Questionada pelo cinegrafista se não interviria, ela apenas gesticula e diz “liga para o 190”. Quando o rapaz negro se aproxima da policial para pedir ajuda, ela nega e diz que está de folga. Depois, afasta o jovem com um chute na barriga.

    A CNN tenta contato com o homem que aparece armado e com a policial que aparece nas imagens.