Corte de verbas pressiona ciência e amplia temor de ‘fuga de cérebros’

Neste episódio do podcast E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama dos impactos da retirada de recursos para o setor determinada pelo governo

Da CNN Brasil*

Em São Paulo

Ouvir notícia

Um ofício do Ministério da Economia remanejou R$ 690 milhões em créditos suplementares, inicialmente destinados ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), para outros seis ministérios. O valor de pouco mais de R$ 650 milhões previsto para financiar bolsas e projetos de pesquisa científica acabou reduzido para R$ 89,8 milhões. O corte mobilizou organizações do setor e ampliou os temores de que mais pesquisadores de ponta deixem o país em busca de melhores condições de trabalho no exterior, em um movimento conhecido como ‘fuga de cérebros’.

Entidades que compõem a Iniciativa para a Ciência e Tecnologia no Parlamento (ICTP) se manifestaram em carta ao Congresso para pedir a reversão da medida, defendendo que o corte ameaça a sobrevivência da ciência e da inovação no país. O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes, alegou ter sido pego de surpresa pela notícia e garantiu que vai atuar junto ao governo para recompor o orçamento da pasta.

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira apresenta um panorama dos impactos da decisão do governo federal de remanejar parte da verba destinada à área da ciência e tecnologia para outros setores. Para falar sobre a importância do investimento em ciência no Brasil, participam deste episódio o advogado Paulo Almeida, diretor executivo do Instituto Questão de Ciência, e o pesquisador Luís da Cunha Lamb, PhD em ciência da computação e secretário estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Conheça os podcasts da CNN Brasil:

E Tem Mais

Abertura de Mercado

Horário de Brasília

CNN Mundo

Alma do Negócio

Entre Vozes

5 Fatos

Na Palma da Mari

Todo o conteúdo da grade digital da CNN Brasil é gratuito.

Podcast E Tem Mais, com apresentação de Carol Nogueira
Podcast E Tem Mais é publicado de segunda a sexta, sempre no início da manhã / CNN Brasil

(* Publicado por Diego Toledo)

Mais Recentes da CNN