Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Polícia Federal inaugura nova sede em Brasília, que custará R$ 17,3 milhões ao ano

    Corporação passará a ocupar três das quatro torres do Edifício Multibrasil Corporate, conjunto de escritórios recém-inaugurado numa área de 18,5 mil metros quadrados

    Nova sede da PF, em Brasília
    Nova sede da PF, em Brasília Vianey Bentes/CNN

    Vianey Bentesda CNN

    Brasília

    Ouvir notícia

    A Polícia Federal inaugura na sexta-feira (25) a nova sede da instituição em Brasília. A cerimônia contará com a presença do ministro da Justiça e da Segurança Pública, Anderson Torres.

    A PF passará a ocupar três das quatro torres do Edifício Multibrasil Corporate, um conjunto de escritórios recém-inaugurado, numa área de 18,5 mil metros quadrados, no Setor Comercial Norte, no centro da capital federal.

    O prédio tem 39 andares, 810 vagas privativas de garagem, bicicletário, academia, restaurante, auditório compartilhado para 254 lugares com moderno sistema de som e iluminação. Toda essa modernidade custará aproximadamente R$ 17,3 milhões por ano, e R$ 86,5 milhões ao longo de cinco anos aos cofres públicos. O contrato de locação é de cinco anos.

    Com essa mudança, a PF conseguiu reunir num só local, todos os setores que estavam em prédios espalhados pela cidade, como as divisões de Controle de Produtos Químicos e de Controle e Fiscalização de Segurança Privada, e ainda o setor de Inteligência, que se encontravam no Sudoeste.

    Outras instalações, como a Superintendência Regional da PF em Brasília e a Academia Nacional de Polícia, onde são treinados os novos policiais permanecerão como estão, pois os prédios são próprios.

    Acomodar várias unidades num mesmo endereço representará uma economia de recursos segundo a PF, e ainda, serviços como vigilância, recepção, brigadista, limpeza, conservação e manutenção já inclusos no valor do condomínio, diminuirá os gastos com o deslocamento de servidores entre as unidades, de acordo com o órgão.

    A saída do Máscara Negra, como é chamado o tradicional prédio que a PF ocupava desde os anos 1960, ocorreu devido a vários problemas como instalações elétricas antigas, falta de escada de emergência, entre outras. O adeus deve acontecer até o início do mês de abril, num evento simples, com o descerramento das bandeiras do Brasil, da Polícia Federal e do Distrito Federal.

    Mais Recentes da CNN