Polícia Federal prende em Pernambuco o número dois do PCC

Valdeci Alves dos Santos, mais conhecido como "Colorido", é acusado de comandar a facção ao lado de Marcos Roberto de Almeida, o Tuta

Imagem ilustrativa de viatura da Polícia Federal
Imagem ilustrativa de viatura da Polícia Federal Sergio Moraes/Reuters

Vianey Bentesda CNN

Brasília

Ouvir notícia

A prisão do traficante Valdeci Alves dos Santos, mais conhecido como “Colorido”, considerado o segundo chefão na liderança do Primeiro Comando da Capital – PCC, ocorreu no sábado (16), conforme informou o Ministério da Justiça e Segurança Pública neste domingo (17) .

Valdeci constava na lista de criminosos mais procurados do Brasil e foi encontrado e preso em Salgueiro, Pernambuco, após um intenso trabalho integrado de inteligência da Polícia Federal com apoio da Força Tarefa de Mossoró, do Rio Grande do Norte. O Ministério Público acusa “Colorido” de liderar a facção junto a Marcos Roberto de Almeida, o Tuta.

“Colorido” responde pelos crimes de tráfico de drogas, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Ele estava foragido desde 2014 e figurava como um dos principais envolvidos no esquema de fornecimento de drogas para os estados do sudeste do país. Após a prisão, foi encaminhado para a superintendência da PF para os procedimentos de praxe e deve seguir para uma penitenciária no estado de Pernambuco.

A lista do Ministério da Justiça onde constava o nome de Valdeci é atualizada mensalmente com dados repassados pelos estados e informações do Banco Nacional de Mandados de Prisão do Conselho Nacional de Justiça e conta, atualmente, com fotos e informações de 25 criminosos.

 

 

Mais Recentes da CNN