Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Políticos lamentam a morte de Paulo Gustavo, vítima de Covid-19

    Ator teve morte confirmada na noite desta terça-feira (4); ele estava internado desde o dia 13 de março

    Gregory Prudenciano, da CNN, em São Paulo

     

    A morte por Covid-19 do ator e diretor Paulo Gustavo gerou comoção e lamento entre diversas autoridades políticas do Brasil.

    Desde que a morte foi confirmada, na noite desta terça-feira (4), o presidente, governadores, deputados, senadores e outros políticos foram às redes sociais para prestar solidariedade à família e aos fãs de Paulo Gustavo.

    O ator tinha 42 anos e deixa dois filhos de um ano, Romeu e Gael, e o marido, Thales Bretas. 

    Confira as mensagens de políticos brasileiros pela morte de Paulo Gustavo:

    Jair Bolsonaro, presidente da República

    Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República

    João Doria, governador de São Paulo

    Renan Filho, governador de Alagoas

    Flávio Bolsonaro, senador pelo Rio de Janeiro

    JHC, prefeito de Maceió

    Romário, senador pelo Rio de Janeiro 

    Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul

    Rui Costa, governador da Bahia

    Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados

    Ciro Gomes, ex-governador do Ceará

    Antonio Anastasia, senador por Minas Gerais