Prédio de 500 metros de altura recebe parecer favorável de comissão de Balneário Camboriú

Se concluído, Triumph Tower seria o edíficio residencial mais alto do mundo, com 154 andares

Projeto da Triumph Tower
Projeto da Triumph Tower Van Gogh Imobiliária/Divulgação

Henrique Andradeda CNN

Sâo Paulo

Ouvir notícia

A Comissão Especial de Análise de Estudo de Impacto de Vizinhança (CEIV) de Balneário Camboriú (SC) emitiu parecer favorável ao projeto de um prédio de 509 metros de altura, planejado para ser erguido na orla da cidade.

O edifício Triumph Tower, projeto da construtora FG Empreendimentos, deve ter 154 andares e será o edifício residencial mais alto do mundo, superando a Steinway Tower, que está pronta para receber seus primeiros moradores.

Com os planejados 509 metros, o Triumph seria o arranha-céu mais alto do Brasil, posto ocupado atualmente pela Infinity Coast Tower, com 234 metros e localizada também em Balneário Camboriú.

Em documento divulgado em 4 de abril, a Comissão avaliou como apto para aprovação o projeto apresentado à prefeitura.

A CEIV listou 77 medidas mitigadoras a serem cumpridas durante a implementação e operação do projeto, como utilização da técnica “top-down” para implementação do pavimento subsolo e a instalação de equipamentos que visam a economia de energia.

A construtora deseja erguer o arranha-céu na orla da Praia Central, cuja faixa de areia foi alargada no fim do ano passado, em projeto da prefeitura da cidade.

As obras para ampliar a faixa de areia à beira-mar de 25 para 70 metros começaram em agosto do ano passado e buscavam reduzir as alterações ambientais causadas pelas construções em volta da Praia Central, principal cartão-postal da cidade.

Com os prédios e construções muito próximos da praia, a incidência do sol no local foi reduzida, bem como o fato de o nível do mar ter aumentado nos últimos anos.

Imagens — os 10 maiores prédios do mundo

Mais Recentes da CNN