Prefeitura de SP suspenderá rodízio de veículos na segunda-feira (6) e no feriado

Vagas de Zona Azul e as faixas exclusivas de ônibus não estarão liberadas; na quarta-feira (8), o rodízio volta para veículos com placas finais 5 e 6, das 7h às 10h e das 17h às 20h

Movimentação de carros e pedestres na avenida Paulista, em São Paulo
Movimentação de carros e pedestres na avenida Paulista, em São Paulo Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Rafaela Larada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A prefeitura de São Paulo, por meio da secretaria municipal de Mobilidade e Trânsito e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), suspenderá o rodízio municipal para automóveis e caminhões na próxima segunda-feira (6), véspera do feriado, em comemoração ao Dia da Independência.

A medida também vale para o feriado do dia 7 de setembro. Nesta data, manifestações acontecerão na Avenida Paulista e no Vale do Anhangabaú.

Apesar da suspensão, não estarão liberadas as demais restrições existentes na cidade. A Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões (ZMRC) e a Zona de Máxima Restrição aos Fretados (ZMRF) seguem mantidas ao longo da próxima segunda-feira.

Também não estarão liberadas as vagas de Zona Azul e as faixas exclusivas de ônibus. Na quarta-feira (8), o rodízio volta para veículos com placas finais 5 e 6, das 7h às 10h e das 17h às 20h.

Mesmo neste período de flexibilização, a secretaria municipal da Saúde (SMS) recomenda que a população redobre os cuidados para evitar a contaminação pelo coronavírus, como o uso de máscara, higienização das mãos e, principalmente, o distanciamento social, evitando aglomerações.

Mais Recentes da CNN