Projeto ajuda cachorros de rua em Belo Horizonte

ONG Moradores de Rua e Seus Cães oferece alimentação, vacinação e banho para quem não consegue levar os animais ao Pet Shop

Projeto da ONG Moradores de Rua e Seus Cães cuida de cachorros de rua
Projeto da ONG Moradores de Rua e Seus Cães cuida de cachorros de rua Foto: Divulgação/MRSC

Gabriel Ferneda*, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Um projeto em Belo Horizonte está atendendo cachorros de rua de maneira gratuita. A ONG Moradores de Rua e Seus Cães oferece alimentação, vacinação, banho e outros serviços para quem não consegue levar os animais ao Pet Shop.

Conhecida como MRSC Beagá, o projeto foi iniciado em 2015, em São Paulo, e chegou a Belo Horizonte em 2017. Hoje, o programa conta com 52 voluntários ativos e a fila de espera ultrapassa 100 pessoas.

Leia também:
Cervos são resgatados após ficarem presos em piscina nos EUA; veja o vídeo
Urso é flagrado dentro de supermercado nos Estados Unidos; veja o vídeo

No início da pandemia da Covid-19, o projeto ganhou um novo coordenador: Thiago Dester. Após quatro meses de gestão, já foram realizados mais de mil atendimentos em quatro ações: duas aos domingos, em uma praça no centro da cidade; em uma comunidade carente, onde foram feitos retornos para 2ª e 3ª doses de vacinação; e outra ação de 75 dias corridos em parceria com a Pastoral de Rua da Arquidiocese de Belo Horizonte, que encerrou a primeira etapa dia em 31 de agosto. Esta última será repetida dia 14 de setembro.

Projeto da ONG Moradores de Rua e Seus Cães cuida de cachorros de rua
Projeto da ONG Moradores de Rua e Seus Cães cuida de cachorros de rua
Foto: Divulgação/MRSC

De acordo com Thiago Dester, a ONG busca dar aos animais tudo o que eles teriam direito em um Pet Shop tradicional. “Banho, tosa, limpeza auricular, limpeza bucal, consulta veterinária, vacinação, vermifugação, aplicação de antipulga e carrapaticida, roupinha, coleira, pingente de identificação inteligente com QR Code que vai com todo prontuário do animal, kit com ração e petisco. Para os mais debilitados damos soro, suplementos e vitaminas. Para os que necessitam de atendimento com especialista ou tem interesse na castração, nós agendamos com clínicas e hospitais parceiros”, explicou.

Desde o mês de maio, a ONG fechou várias parcerias com empresas e instituições de ensino. Nesse período, foram recebidos mais de R$ 8 mil de doações em dinheiro, além de outros donativos, que vão integralmente para os cachorros.

As ações da ONG acontecem de segunda-feira à sexta-feira junto com a Pastoral de Rua da Arquidiocese de Belo Horizonte, enquanto as ações móveis acontecem aos domingos. Quem precisar do atendimento da ONG basta entrar na fila que se forma no local de atendimento, em uma praça no centro da cidade.

Quem quiser realizar doações pode fazê-la em vários pontos de coleta espalhados por Belo Horizonte, além de vaquinhas online. Todas as informações estão no Instagram: @mrscbeaga.

*Sob supervisão de Julyanne Jucá

Mais Recentes da CNN