Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Redução do ICMS em 13 estados, Braga Netto fora do governo e mais de 1º de julho

    Redução do imposto sobre combustíveis segue definição do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz)

    Estados reduzem ICMS dos combustíveis
    Estados reduzem ICMS dos combustíveis Amanda Perobelli/Reuters (08.jul.2021)

    Da CNN

    Ouvir notícia

    A redução do ICMS sobre combustíveis anunciada por pelo menos treze estados, e a exoneração do general Braga Netto de seu cargo na assessoria da Presidência estão entre os assuntos desta quarta-feira (1º).

    Redução do ICMS

    Até a tarde desta sexta-feira (1º), treze estados haviam anunciado a redução do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) sobre combustíveis, segundo levantamento feito pela CNN. São eles: Alagoas, Espírito Santo, Bahia, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e São Paulo.

    Por outro lado, Pará, Paraíba, Acre, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal, ainda não definiram a redução do imposto. Os outros estados não responderam sobre o tema.

    Braga Netto é exonerado

    O general Walter Braga Netto (PL) foi exonerado de seu cargo na assessoria da Presidência. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (1º).

    O ex-ministro da Defesa deve ser anunciado como candidato a vice na chapa de Jair Bolsonaro (PL) à reeleição. Para concorrer ao cargo, Braga Netto não poderia estar em cargo público. O posto dele será assumido por José Vicente Santini, que estava na Secretaria Nacional de Justiça do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

    Pesquisas eleitorais

    Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira (1º) sobre a disputa pelo governo do Rio de Janeiro mostra o deputado federal Marcelo Freixo (PSB) com 22% das intenções de voto. O atual governador Cláudio Castro (PL) tem 21%, em um empate técnico.  Na sequência do cenário com mais nomes, aparecem o ex-governador Anthony Garotinho (União Brasil), com 7%; o ex-prefeito de Niterói Rodrigo Neves (PDT), com 6%; Eduardo Serra (PCB), com 5%; e o ex-deputado federal Cyro Garcia (PSTU), com 4%.

    Em Minas Gerais, a pesquisa Datafolha sobre as intenções de voto para o governo traz o governador Romeu Zema (Novo) à frente, com 48%, seguido pelo ex-prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PSD), com 21%. Este resultado reelegeria o atual governador. Na sequência, aparecem o senador Carlos Viana (PL), com 4%; Vanessa Portugal (PSTU), com 3%; Renata Regina (PCB) e Miguel Corrêa (PDT), com 2%; Marcus Pestana (PSDB), Lorene Figueiredo (PSOL) e Saraiva Felipe (PSB), com 1%, mas este último retirou sua candidatura nesta semana.

    Encontro de presidentes

    O presidente Jair Bolsonaro (PL) decidiu desmarcar um almoço que teria com o presidente português, Marcelo Rebelo de Souza, na próxima segunda-feira (4), em Brasília. “Resolvi cancelar o almoço que ele teria comigo, bem como toda a programação”, afirmou Bolsonaro à CNN.

    Indagado a razão do cancelamento, o presidente afirmou: “ele teria uma reunião com o Lula”. Rebelo de Souza confirmou um encontro com ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no próximo domingo (3), em São Paulo.

    Salmonella em chocolates

    Uma fábrica de chocolate na Bélgica fechou temporariamente suas portas depois de descobrir Salmonella em um lote de produção. A produtora suíça de chocolate Barry Callebaut interrompeu a produção em sua fábrica em Wieze, na Bélgica, no começo da semana, informou a empresa em comunicado na última quinta-feira (30).

    A fábrica de Wieze é a maior fábrica de chocolate do mundo, de acordo com o site de turismo do governo Visit Flanders.

    Newsletter

    Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

     

    *Publicado por Renata Souza

    Mais Recentes da CNN