Reunião do PSDB, cuidados na vacinação contra Covid-19 e mais de 10 de fevereiro

Assista ao 5 Fatos Manhã apresentado pela âncora da CNN Muriel Porfiro

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O encontro de um grupo de deputados federais do PSDB e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), a recomendação de que pessoas com sintomas da Covid-19 não se vacinem e a dispensa do registro para vacinas que forem enviadas ao Brasil pela OMS são alguns dos destaques da manhã desta quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021.

Vacinação contra Covid-19

Pessoas com sintomas de Covid-19 não devem se vacinar. Isso segundo Mônica Levi, diretora da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm). O recomendado nestes casos é adiar a vacinação em quatro semanas, para garantir que se encerre a janela de transmissão do vírus e que o sistema imunológico possa se recuperar.

Vacinas

A Anvisa aprovou a regulamentação dos procedimentos para importação e monitoramento das vacinas contra Covid-19 do consórcio Covax Facility. O Covax é uma iniciativa promovida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que prevê a distribuição global de doses de vacinas contra a Covid-19. O Brasil deve receber 10,6 milhões de doses ainda no primeiro semestre de 2021.

PSDB

Um grupo de deputados federais do PSDB reagiu às articulações para o governador paulista, João Doria, assumir a presidência nacional do partido, e marcou um almoço com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, amanhã, em Porto Alegre. A ideia é usar a reunião para pedir que Leite se movimente para ser o candidato do PSDB à presidência da República em 2022, o que atrapalharia os planos de Doria.

Chapa Bolsonaro-Mourão

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou por unanimidade duas ações que pedem a cassação do presidente Jair Bolsonaro e do vice, Hamilton Mourão, por abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação. Os processos dizem respeito a supostos disparos de mensagens em massa pelo WhatsApp, durante a campanha presidencial de 2018.

Transportes

A Eletrobras e a HyperloopTT, empresa de transporte e tecnologia americana, assinaram um acordo para desenvolver soluções de transporte de altíssima velocidade no Brasil com a utilização de energia limpa e renovável. O percurso entre Rio e São Paulo poderia ser feito em pouco mais de 20 minutos.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

 (Publicado por: André Rigue)

Mais Recentes da CNN