STF autoriza inquérito que investiga deputado por suposto crime de racismo

O pedido foi feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e concedido pelo ministro do STF Alexandre de Moraes

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou, nesta quinta-feira (18), a abertura de um inquérito contra o deputado bolsonarista José Medeiros (Podemos-MT) por suspeita de racismo.

O pedido foi feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e concedido pelo ministro do STF Alexandre de Moraes.

Além de autorizar o inquérito, Moraes enviou um ofício ao Twitter para que a rede social guarde a mensagem em que o deputado teria supostamente cometido o crime de racismo.

A Polícia Federal terá o prazo de dez dias para ouvir o deputado José Medeiros.

 

(Publicado por Sinara Peixoto)

Mais Recentes da CNN