Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Tempo seco e El Niño são responsáveis por onda de calor no Brasil, diz especialista

    Inverno deste ano também deve ser impactado e registrar temperaturas acima da média

    Termômetros devem bater 39ºC no Rio de Janeiro
    Termômetros devem bater 39ºC no Rio de Janeiro Philippe LEJEANVRE/GettyImages

    João Nakamurada CNN* São Paulo

    Uma massa de ar seco no interior do país vem elevando os termômetros neste final de semana em cidades do Centro-Oeste, Sudeste e parte do Paraná.

    As temperaturas devem ultrapassar os 30ºC, o que fica acima da média para essa época do ano.

    Segundo Maria Clara Sassaki, especialista em meteorologia da Tempo OK, a baixa umidade é normal para essa época do ano uma vez que o outono e o inverno são marcados por faltas de chuva no interior do Brasil.

    “Entre abril e maio as chuvas se concentram na região Sul do Brasil. A massa de ar fria não consegue avançar para outras regiões, então o ar seco vai ganhando intensidade nessa área de alta pressão no interior”, explicou Sassaki à CNN.

    “Com a falta de umidade, a temperatura vai subindo muito rápido e por isso temos essas condições para uma nova onda de calor”, conclui.

    Esta é a quarta onda de calor do ano. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), em São Paulo (SP) os termômetros chegam aos 32ºC no sábado (27) e 33ºC no domingo (28).

    Em Belo Horizonte (MG), os termômetros também devem marcar os 32ºC no domingo. No Rio de Janeiro (RJ), o sábado será de 34ºC e no domingo, a temperatura prevista é de 39ºC. No mesmo dia, Vitória (ES) pode chegar aos 33ºC.

    A especialista também indica que os termômetros ficam acima do normal ainda com influência do fenômeno El Niño.

    “Ainda não fizemos a transição para um período de neutralidade. Ainda temos um resquício de temperaturas mais elevadas em águas do Oceano Pacífico, temos todo o Atlântico acima do normal, bem mais aquecidos, o que contribui para temperaturas acima do normal”, afirma Sassaki.

    Inverno mais quente

    As condições adversas do El Niño devem amenizar ao longo dos próximos meses, de modo que ainda vai impactar o inverno brasileiro.

    “Este ano, a tendência é de temperaturas acima do normal durante os meses de inverno”, disse Sassaki à CNN. Contudo, a especialista reforça que a estação não deve ser tão quente como foi no ano passado.

    Ainda assim, Maria Clara Sassaki pontua que não estão descartadas temperaturas mais baixas nesse período que é normalmente frio.