Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Vídeo mostra policial agredindo e matando esposa a tiros em São Paulo

    PM estava de folga e foi preso em flagrante por feminicídio

    Câmeras de segurança flagraram PM matando esposa na zona norte de São Paulo.
    Câmeras de segurança flagraram PM matando esposa na zona norte de São Paulo. Reprodução/Tubenettv

    Carolina FigueiredoMaria Clara Alcântarada CNN

    Em São Paulo

    Imagens de câmeras de seguranças flagraram o momento em que o policial militar Thiago Cezar de Lima, 36, dá cinco socos no rosto de sua esposa, Erika Satelis Ferreira de Lima, 33, e depois atira nela após uma discussão do lado de fora de um carro, em Perus, na zona norte de São Paulo.

    O soldado foi preso em flagrante por feminicídio logo após o ocorrido, na madrugada de domingo (3).

    No vídeo, é possível ver um carro parado na Rua Bananalzinho, em Perus, por volta das 3h da manhã. Logo em seguida, Erika abre a porta do motorista, desce e vai até a porta traseira do lado contrário. No banco de trás está o soldado Thiago.

    A mulher começa a tentar tirá-lo a força do carro, mas não consegue. Segundos depois, ele sai do carro e começa a agredi-la.

    As imagens são fortes, portanto foram editadas pela CNN.

    Veja o vídeo:

    O policial dá uma série de socos no rosto de Erika, e efetua pelo menos dois disparos contra ela. A mulher cambaleia e cai no chão. O soldado entra no carro e dá meia volta com o veículo, mas para novamente e começa a tentar arrastar a vítima até o veículo. Nesse momento, moradores saem das suas casas e acompanham a ação.

    Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o próprio policial levou a vítima até Hospital Geral de Taipas, onde a morte foi constatada.

    O caso foi registrado como feminicídio pela 4ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) Norte. Uma pistola calibre .40 foi apreendida para perícia, o policial foi encaminhado ao Presídio Militar Romão Gomes (PMRG) e a Corregedoria da instituição foi acionada.