Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Vocalista do Grupo Molejo, Anderson Leonardo, morre no Rio de Janeiro

    Cantor estava internado em um hospital particular da capital fluminense

    Da CNN

    O cantor Anderson Leonardo, vocalista do grupo Molejo, morreu nesta sexta-feira (26), no Rio de Janeiro, onde estava internado em um hospital particular. Aos 51 anos, o artista tratava desde 2022 um câncer inguinal, um tipo raro de tumor que afeta toda a região da virilha.

    Anderson havia sido internado uma primeira vez no fim de fevereiro deste ano, e recebeu alta no dia 19 de março. Porém, ainda no fim de março, precisou voltar ao hospital. No início deste mês ele foi transferido para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) para tratar de um quadro de insuficiência renal.

    Na manhã do dia 22 de abril, Anderson foi transferido novamente para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em decorrência de uma queda de pressão.

    A morte foi comunicada no perfil oficial da banda.

    Piora do quadro clínico

    O artista teve uma piora e estava, atualmente, em estado gravíssimo no hospital. O agravamento do quadro de saúde foi confirmado na manhã desta sexta-feira (26) pela assessoria do cantor. Segundo as informações obtidas pela CNN, a piora  se deve à progressão da doença.

    Câncer Inguinal

    De acordo com Denis Jardim, oncologista clínico e membro do Comitê de Tumores Geniturinários da SBOC (Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica), o “câncer inguinal“, na realidade, não é um tipo específico de câncer e, sim, um conjunto de cânceres que podem afetam a região inguinal.

    Ou seja, o câncer inguinal, muitas vezes, está relacionado à metástase (espalhamento) de outros tumores para a região da virilha. Entre os tumores que estão relacionados ao surgimento de câncer na região inguinal estão o câncer de bexigacâncer de pêniscâncer de colo de útero, câncer de vagina, câncer anal e câncer colorretal.