Bruno Covas diz que quimioterapia derrotou dois de seus três focos de câncer


14 de Março de 2020 às 18:52
Bruno Covas, prefeito de SP, trata câncer na região do estômago

Bruno Covas, prefeito de SP, faz tratamento contra um câncer na região do estômago

Crédito: @brunocovas/Reprodução

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, publicou na noite dessa quinta-feira, 27, no perfil que mantém no Instagram, um vídeo no qual afirma que a quimioterapia foi eficiente no tratamento contra câncer no estômago, que ele enfrenta desde outubro de 2019. “A quimioterapia já conseguiu abater e derrotar dois dos três focos de câncer que eu tinha”, disse o prefeito.

Covas também agradeceu as manifestações de carinho e apoio nesta nova fase do tratamento, a imunoterapia, que teve início na quarta-feira, 26. “Tenho certeza de que vou continuar a luta, vamos vencer graças a todo o apoio da equipe médica e toda a força e fé que tenho recebido de vocês.”

No novo tratamento, realizado de três em três semanas, ele receberá infusões de medicamentos para potencializar o sistema imunológico. Esta fase, conduzida no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, deve ser concluída em seis meses. 

No vídeo, gravado em seu gabinete, o prefeito afirma que está despachando decretos e tratando de temas do cotidiano da cidade, como alagamentos e coronavírus.

Quimioterapia

Durante uma entrevista coletiva, a equipe médica do Sírio-Libanês informou que as sessões de quimioterapia, realizadas desde novembro de 2019, foram eficientes, mas não suficientes.

"A quimioterapia foi extremamente eficiente, mas não foi suficiente, por isso a equipe médica optou pela imunoterapia e o prefeito Bruno Covas aceitou bem a indicação", afirmou o diretor do Centro de Infectologia do Hospital Sírio-Libanês, David Uip.

O oncologista Tulio Pfiffer ressaltou que Covas “está com o estado geral muito bom” e a imunoterapia tem menos efeitos colaterais. / Com Agência Brasil