Presidente do STF, Dias Toffoli é hospitalizado com sintomas de Covid-19

O ministro apresentou sinais respiratórios que sugeriram infecção pelo novo coronavírus, diz nota do Supremo Tribunal Federal

Da CNN, em São Paulo
24 de maio de 2020 às 13:26 | Atualizado 25 de maio de 2020 às 06:07

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), foi internado neste sábado (23) com sintomas do novo coronavírus. O ministro Luiz Fux assume a presidência da Corte por sete dias.

Segundo nota enviada pelo STF, Toffoli foi hospitalizado para drenagem de um pequeno abscesso. "A cirurgia transcorreu bem e na noite do mesmo dia, o ministro apresentou sinais respiratórios que sugeriram infecção pelo novo coronavírus, devendo permanecer internado para monitorização".

Ainda de acordo com Marco Polo Dias Freitas, secretário de Saúde do STF, "o ministro está bem e respira normalmente, sem ajuda de aparelhos". Ele testou, na última quarta-feira (20), negativo para o novo coronavírus.

Como não há confirmação sobre o ministro ter contraído ou não Covid-19, Toffoli a princípio ficará de licença médica por sete dias, podendo ser ampliada dependendo do resultado dos exames. Nesse período, o ministro Luiz Fux assumirá a presidência da corte.

A assessoria de Fux disse que o vice-presidente do STF estará em Brasília a partir desta segunda-feira (25) para conduzir os trabalhos até o retorno do presidente Dias Toffoli.

Toffoli tem 52 anos e é presidente do Supremo desde 2018. Ele será substituído por Fux no final deste ano.

Leia também:

Quem são os próximos ministros a deixar o STF

O presidente do STF, o ministro Dias Toffoli, preside sessão por videoconferência
Foto: Felipe Sampaio/SCO/STF (7.mai.2020)