Delegado da PF no caso Marielle é nomeado diretor no Ministério da Justiça

Almada ficou nacionalmente conhecido após comandar um inquérito que apurou um suposto esquema para atrapalhar as investigações do atentado que matou a vereadora

Por Igor Gadelha, CNN  
15 de julho de 2020 às 08:54
Vereadora Marielle Franco na Câmara Municipal do Rio de Janeiro.
Foto: Renan Olaz - 08.mar.2017/CMRJ

O ministro da Justiça, André Mendonça, nomeou o delegado da Polícia Federal Leandro Almada para o cargo de diretor de Operações da Secretaria de Operações Integradas da pasta.

Almada ficou nacionalmente conhecido após comandar um inquérito que apurou um suposto esquema para atrapalhar as investigações do atentado que matou a vereadora Marielle Franco (PSOL).

Em seu inquérito, concluído em maio de 2019, Almada concluiu que policiais militares e advogados fluminenses atuaram em organização criminosa para tentar atrapalhar as investigações do homicídio.

No novo cargo no Ministério da Justiça, Almada será responsável por cuidar da integração operacional entre órgãos de segurança pública federais, estaduais e distrital nas atividades que a secretaria participa.

Até então, Almada vinha atuando como delegado regional substituto de investigação e combate ao crime organizado na Superintendência Regional da PF do Amazonas.