Secretário de saúde do estado do Rio pede demissão 

Coronel do Corpo de Bombeiros, ele foi o terceiro titular da saúde do governo Wilson Witzel

Leandro Resende
Por Leandro Resende, CNN  
17 de setembro de 2020 às 14:11 | Atualizado 17 de setembro de 2020 às 14:50

O secretário de saúde do Rio Alex Bousquet pediu demissão do cargo ao governador em exercício Cláudio Castro. Em reunião no Palácio Guanabara, sede do governo do Rio, Bousquet alegou “razões pessoais” e entregou o posto, que assumiu há menos de três meses. Coronel do Corpo de Bombeiros, ele foi o terceiro titular da saúde do governo Wilson Witzel. 

Leia também:

Edmar Santos delata empresa contratada para atuar em 'episódio da geosmina'

STJ homologa delação de Edmar Santos, ex-secretário da Saúde do Rio

Edmar Santos, que se tornou delator do esquema de corrupção que implicou Witzel e levou a seu afastamento, ficou no cargo de janeiro de 2019 a maio deste ano, quando foi exonerado em meio às investigações sobre fraudes nas compras para combate ao coronavírus. Em seu lugar assumiu Fernando Ferry, que deixou o posto em 22/06, pouco mais de um mês depois de ser nomeado. 

A gestão de Bousquet se encerra em meio às mudanças no secretariado promovidas por Castro, que procura um nome para assumir a saúde e outro para a Educação: após a exoneração de Pedro Fernandes, preso, o estado está com uma secretária interina, Cláudia Martins.