Bolsonaro sobre segunda onda: 'Temos que enfrentar se tiver'

Presidente também afirmou a apoiadores que, caso tenha, a onda tem que ser enfrentada

Da CNN
13 de novembro de 2020 às 13:54

 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comentou sobre uma possível segunda onda do novo coronavírus no Brasil. Em conversa com apoiadores na saída do Palácio do Alvorada nesta sexta-feira (13), ele chamou a possibilidade de "conversinha" e que deverá "ser enfrentada se tiver". 

Leia também:

Bolsonaro cumprimentará novo presidente dos EUA ‘na hora certa’, afirma Mourão
Governo dos EUA prevê começar vacinação de idosos contra Covid-19 em dezembro

"Essa pandemia aí, nos fez endividar em mais de R$ 700 bilhões. E agora tem conversinha de segunda onda. Temos que enfrentar se tiver. Porque se quebrar de vez a economia seremos um país de miseráveis, só isso", afirmou o presidente.

(Publicado por Leonardo Lellis)