Mourão: 'Como indivíduo, reconheço a vitória de Joe Biden'

Em entrevista à Rádio Gaúcha, vice-presidente diz considerar votação 'cada vez mais irreversível', mas destacou que cabe ao presidente reconhecer o resultado

Murillo Ferrari, da CNN, em São Paulo
13 de novembro de 2020 às 11:10 | Atualizado 13 de novembro de 2020 às 13:31

 

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta sexta-feira (13) em entrevista à Rádio Gaúcha, que, como indivíduo, reconhece a vitória do democrata Joe Biden nas eleições norte-americanas.

"Olha, como indivíduo eu reconheço, mas temos que olhar que eu não respondo pelo governo. Como indivíduo eu julgo que a vitória do Joe Biden está cada vez mais irreversível", afirmou Mourão.

Ele destacou, porém, que cabe ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido), por ser o chefe de Estado do Brasil, a responsabilidade por reconhecer, em nome do país, os resultados da votação

Assista e leia também:
Bolsonaro cumprimentará novo presidente dos EUA ‘na hora certa’, afirma Mourão
Biden vence no Arizona, encerrando longo período de domínio republicano
Assessores de Trump dizem que o presidente já sabe que perdeu as eleições

Vice-presidente, Hamilton Mourão
Foto: CNN

"O que tenho sempre procurado colocar é que nossas relações com os EUA são relações de estado para estado, que às vezes tem uma flutuação para mais, outras vezes para menos", afirmou o vice-presidente.

"Então, independente do momento em que for reconhecido o resultado da eleição americana, vamos manter esse diálogo constante buscando sempre o benefício mútuo para os dois povos e as melhores proposições", completou.

Mourão disse ainda considerar que em breve deve haver uma definição nos EUA, mas que o fato de o Brasil não ter reconhecido os resultados não causa tensão entre os dois países. "É mais, vamos dizer assim, algum tipo de fogo de palha."