Covas envia hoje à Câmara pedido de afastamento por 30 dias em SP

Prefeito de São Paulo se afastará do cargo para tratar um câncer no sistema digestivo, que se agravou nas últimas semanas

Anthony Wells, da CNN em São Paulo
03 de maio de 2021 às 07:45 | Atualizado 03 de maio de 2021 às 09:17

Será enviado nesta segunda-feira (3) à Câmara Municipal de São Paulo o pedido de licenciamento do prefeito Bruno Covas (PSDB). O afastamento é para tratar um câncer no sistema digestivo, que se agravou nas últimas semanas.

Covas irá se licenciar do cargo de prefeito de São Paulo por 30 dias. Em nota, a prefeitura de São Paulo afirmou que o tucano precisará se dedicar integralmente ao tratamento de novos focos da doença, o que "não será compatível com as suas responsabilidades e compromisso com a cidade e os paulistanos".  

Para a mudança da chefia da capital, é preciso que seja aprovado um projeto de lei na Câmara Municipal de São Paulo. Ricardo Nunes afirmou que enviará ao presidente da Casa, Milton Leite (DEM), o pedido para que a licença de 30 dias de Covas seja a partir de terça-feira (4).

Bruno Covas realiza uma sessão de quimioterapia nesta segunda-feira no Hospital Sírio-Libanês.

(*Com informações de Caio Junqueira, da CNN em São Paulo, e da Agência Estado)