Pacheco deve prorrogar CPI da Pandemia na próxima semana

Tainá Farfan, da CNN, em Brasília
09 de julho de 2021 às 13:41 | Atualizado 09 de julho de 2021 às 18:28

 

O requerimento de prorrogação da CPI da Pandemia deve ser lido em plenário na próxima semana pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG). A cúpula da CPI foi informada por Pacheco sobre a leitura do requerimento, necessária para formalizar a prorrogação, o que segundo o vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), deve acontecer na terça-feira (13).

Rodrigo Pacheco tem sido pressionado para oficializar a prorrogação dos trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito. À reportagem, o presidente do Senado se limitou a dizer que "avaliará na próxima semana" a possibilidade de prorrogação. "Havendo os requisitos, será lido o requerimento no tempo certo", afirmou Pacheco.

Inicialmente, a CPI seria encerrada no dia 7 de agosto, com prazo de funcionamento de 90 dias. O regimento prevê que a CPI pode ser prorrogada por até 90 dias, se for apresentado requerimento assinado por, pelo menos, um terço dos membros da Casa. Randolfe Rodrigues, autor do requerimento, colheu as 27 assinaturas necessárias.

O presidente eleito do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), em entrevista à CNN (01.fev.2021)
Foto: Reprodução/CNN