Após pneumonite, médica de Dias Toffoli sugere estudo de ar condicionado do STF

Ministro está em perfeitas condições de saúde , segundo boletim médico divulgado nesta terça-feira (11), mas sem previsão de alta

O presidente do STF, ministro Dias Toffoli
O presidente do STF, ministro Dias Toffoli Foto: Rosinei Coutinho - 1º.jul.2020/STF

Luiz Raatz, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O último boletim médico sobre o estado de saúde do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, divulgado nesta terça-feira, 11,  indica que o ministro está em perfeitas condições de saúde e pode ter sido vítima de uma reação alérgica provocada por ácaros, fungos ou bactérias no sistema de ar condicionado da Corte.

Ele foi diagnosticado com uma pneumonite no fim de semana e foram descartadas infecções virais, entre elas a Covid-19.

Leia mais:
Toffoli é internado com pneumonite alérgica

“Em razão disso, a cardiologista intensivista Ludhmilla Hajjar indicou ao Supremo Tribunal Federal a realização de um estudo do ambiente de trabalho, com a coleta de materiais e avaliação do sistema predial de ar condicionado”, disse o hospital DFStar em nota. 

O ministro encontra-se no quarto e passa bem, mas ainda sem previsão de alta.

Mais Recentes da CNN