Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Bolsonaro, Ciro e Tebet criticam ausência de Lula em debate da CNN

    Debate entre candidatos à Presidência será transmitido ao vivo pela CNN na TV e nas plataformas digitais da emissora

    Tamara Nassifda CNN

    em São Paulo

    Os candidatos Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT)  e Simone Tebet (MDB) fizeram críticas à ausência do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) no debate entre presidenciáveis da CNN, que acontece neste sábado (24), às 18h15.

    Pleiteando a reeleição, Bolsonaro disse com exclusividade ao repórter da CNN Leandro Magalhães que o não comparecimento do petista é “estratégia”.

    “Isso é estratégia dele. Ele tem muito a se explicar. Fala uma besteira atrás de outra.”

    Ciro Gomes, em coletiva, disse que ausência de Lula pode indicar três leituras. “A primeira, é a ideia de que já ganhou e não precisa de mais ninguém. A segunda, de que não tem o que dizer. A terceira, e a pior, é o candidato não ir porque tem muito a esconder.”

    Líder nas pesquisas eleitorais, Lula justificou ausência no evento por suposta demora na formação de um pool de veículos para a realização do confronto. O pool de veículos de comunicação formado por SBT, CNN Brasil, Terra, NovaBrasil, Estadão/Eldorado e Veja recebeu com surpresa nesta sexta-feira a declaração dada à imprensa pelo ex-presidente.

    Diferentemente do que foi declarado pelo candidato, a formação do pool deu-se antes mesmo da sugestão feita por sua campanha, com a parceria firmada originalmente entre SBT, VEJA, NovaBrasil e Estadão/Eldorado, ainda em março deste ano.

    Em 22 de março, os quatro grupos enviaram formalmente e-mail às campanhas presidenciais, comunicando a realização do debate e informando as datas escolhidas para os confrontos do primeiro e do segundo turno. E, em 28 do mesmo mês, foi realizada a primeira reunião presencial com representantes dos candidatos convidados.

    A campanha de Lula esteve presente em tal reunião, assim como em todas as demais reuniões convocadas para discutir os detalhes e regras do debate.

    O pool já existente foi ampliado posteriormente, com a entrada do Terra e da CNN Brasil, conforme anúncio feito em 29 de julho. Portanto, quase dois meses antes da data do debate. O pool lamenta a decisão do candidato de não participar, por entender que o debate é um dos mais importantes instrumentos para fomentar a democracia e ajudar o eleitor na hora do voto.

    A candidata do MDB à Presidência Simone Tebet afirmou, em evento neste sábado, que entende a sua participação no debate como um dever e uma obrigação e que “quem quer voto tem que se apresentar ao Brasil”. “É isso, vai ser, tenho certeza, um bom debate e a democracia brasileira vai agradecer e tenho certeza que isso também pode alterar o resultado das eleições na semana que vem”, completou.

    Tebet não citou diretamente o ex-presidente, mas criticou a ausência de candidatos em debates. “Quem declara, quem pede voto útil no primeiro turno e não vai no debate vai contra a democracia e se acovarda. Isso é covardia com o povo brasileiro. Como você pede para o povo brasileiro ‘vote em mim, mate essa eleição no primeiro turno’ e foge do debate? E diz ‘eu não vou participar do debate porque não me interessa me apresentar ao Brasil’, é o que? Nos dá uma carta em branco? Um cheque em branco?”, questionou a emedebista.

    “Para alguém sentar lá sem saber quais são as propostas? Então isso é uma total incoerência, aliás é um desrespeito com o cidadão brasileiro”, afirmou a candidata.

    Ao chegar para o debate CNN, Soraya Thronicke (União Brasil) também criticou o ex-presidente por não comparecer neste sábado (24). “É uma covardia do candidato. Pode organizar a agenda, essa desculpa que foi dada foi esfarrapada. É um desrespeito com a popuçação brasileira”.

    Debate

    As emissoras CNN e SBT, o jornal O Estado de S. Paulo, a revista Veja, o portal Terra e a rádio NovaBrasilFM formaram um pool para realizar o debate entre os candidatos à Presidência da República, que acontecerá neste sábado (24), a partir das 18h15, com programação especial a partir de 16h30.

    O debate será transmitido ao vivo pela CNN na TV e por nossas plataformas digitais.