Campanha de Bolsonaro tenta dissociar Auxílio Brasil de Bolsa Família

Propagandas televisivas do PL devem explorar a identificação do programa social com o presidente, já que pesquisas internas apontam dificuldade de associação por parte do eleitorado

Logo do programa social do governo federal, o Auxílio Brasil
Logo do programa social do governo federal, o Auxílio Brasil Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

Gustavo UribeBasília Rodriguesda CNN

Brasília

Ouvir notícia

A campanha à reeleição do presidente Jair Bolsonaro prepara estratégia política na tentativa de dissociar o Auxílio Brasil do Bolsa Família, programa social criado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A avaliação da coordenação política, com base em pesquisas internas, aponta que parte do eleitorado ainda chama o novo programa social pelo seu antigo nome, Bolsa Família, associando-o ao ex-presidente petista.

O diagnóstico, feito à CNN, é o de que a percepção desses eleitores, sobretudo nas regiões Norte e Nordeste, tem limitado a perspectiva de crescimento do presidente nas pesquisas eleitorais.

Além da orientação para que Bolsonaro se refira mais ao programa social em discursos oficiais, o PL deve explorar o benefício social em suas inserções partidárias previstas para junho.

O Auxílio Brasil foi criado no ano passado como uma reformulação do Bolsa Família. O programa social é mais amplo que o anterior: o número de famílias contempladas é maior, assim como o valor médio.

A mudança do nome teve justamente como objetivo retirar as digitais petistas do benefício federal, criando uma bandeira social para a atual gestão em ano eleitoral.

Em meio à recuperação do cenário pandêmico, o Auxílio Brasil tem ajudado a complementar a renda média da população carente, mas o aumento da inflação e a redução dos salários tem limitado seu impacto.

Segundo cálculos feitos pela LCA Consultores, o Auxílio Brasil deve representar, neste ano, 2,2% do total da massa de renda do país, que é a soma de tudo que todos os brasileiros recebem em salários do trabalho.

O Bolsa Família, extinto no ano passado, já representava cerca de 1% dessa massa de renda.

Ou seja, o Auxílio Brasil acrescentou pouco mais de 1 ponto percentual ao total de dinheiro disponível para consumo no país.

Debate

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

Os pré-candidatos à Presidência

Mais Recentes da CNN