Com expectativa de filiar Bolsonaro, PTB sonda ex-ministros do presidente

Partido, que já fez convite de filiação ao presidente, conversou recentemente com Ricardo Salles (ex-Meio Ambiente) e Ernesto Araújo (ex-Relações Exteriores)

Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro Marcos Corrêa/PR

Gustavo Uribeda CNN

em Brasília

Ouvir notícia

Após uma guinada conservadora, o PTB, partido presidido pelo ex-deputado federal Roberto Jefferson, tem atuado para filiar ex-ministros do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O objetivo é lançá-los para postos no Poder Legislativo, em uma tentativa de aumentar sua bancada federal.

A legenda sondou recentemente aliados do presidente e ex-ministros como Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Ricardo Salles (Meio Ambiente) e Abraham Weintraub (Educação). Hoje, a bancada federal da sigla conta com 10 deputados federais.

“O partido está de braços abertos para eles e também preparado para receber o presidente caso ele decida se filiar”, disse à CNN Brasil o presidente do PTB em São Paulo, Otávio Fakhoury.

O PTB já convidou oficialmente Bolsonaro para se filiar à legenda. O presidente, no entanto, avalia só tomar uma decisão no início do ano que vem, mais próximo da data do pleito nacional.

Bolsonaro negociava ingressar no Patriota, mas as negociações foram interrompidas. Hoje, além do PTB, ele considera uma filiação ao PRTB, sigla do vice-presidente Hamilton Mourão.

Caso o presidente decida por outro partido, Jefferson já disse a Bolsonaro que está disposto a filiar o seu escolhido para o posto de candidato a vice-presidente.

Mais Recentes da CNN