Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Conselho de Ética da Câmara abre processo contra Janones por suposta rachadinha

    Deputado federal é acusado de cobrar parte do salário de servidores para custear despesas pessoais

    Deputado federal André Janones
    Deputado federal André Janones Renato Araújo/Câmara dos Deputados

    Julliana LopesMarcos Amorozoda CNN

    O Conselho de Ética da Câmara instaurou nesta quarta-feira (13) o processo que pode levar à cassação o mandato do deputado federal André Janones (Avante-MG). O parlamentar é investigado por suposta prática de “rachadinha” em seu gabinete na Câmara dos Deputados.

    Durante a sessão, parlamentares sortearam uma lista tríplice que será usada pelo presidente do colegiado, Leur Lomato Júnior (União-BA), para a escolha do relator do caso.

    Os nomes dos deputados Emanuel Pinheiro Neto (MDB-MT), Guilherme Boulos (PSOL-SP) e Sidney Leite (PSD-AM) fazem parte da composição.

    A representação contra Janones partiu do Partido Liberal (PL) e tem assinatura do presidente do partido, Valdemar Costa Neto. A legenda acusa o parlamentar de “condutas ilegais e incompatíveis com o exercício da atividade parlamentar”.

    A solicitação faz referência ao suposto esquema de “rachadinhas” denunciado por ex-assessores de Janones e em investigação no Supremo Tribunal Federal (STF). Janones é acusado por cobrar parte do salário de servidores para custear despesas pessoais. O deputado nega qualquer irregularidade.

    A CNN procurou o deputado André Janones para comentar a decisão do Conselho de Ética e aguarda resposta.