Daniela Lima: Partidos apostam em engajamento de eleitores até o último instante

Para dirigentes de legendas, 'engajamento tardio' com as eleições municipais deve causar muitas mudanças entre quarta-feira (11) e domingo (15), dia da votação

Da CNN

Ouvir notícia

No quadro Em Off desta terça-feira (10), na CNN Rádio, Daniela Lima afirmou que os dirigentes dos partidos políticos esperam muita movimentação de eleitores nos próximos dias, o que pode mudar e, até, definir as eleições municipais no domingo (15).

“Ontem eu conversei com dirigentes de diferentes partidos e está todo mundo esperando muita movimentação de eleitor a partir de quarta-feira (11) porque acham que o eleitor vai se conectar mais tarde com a eleição municipal”, disse.

Ao analisar o cenário em São Paulo, após a divulgação da última pesquisa Ibope, a jornalista afirmou que o levantamento apresenta tendência similar ao mostrado, dias atrás, pelo Datafolha.

Assista e leia também:
Ibope SP: Covas lidera com 32%; Boulos, Russomanno e França dividem 2º lugar
Ibope RJ: Paes, 33%; Crivella, 15%; Martha Rocha, 14%; Benedita da Silva, 9%

“Ou seja, Celso Russomanno (Republicano), que liderava, despencou 14 pontos, Bruno Covas (PSDB) descolou do segundo pelotão e Guilherme Boulos (PSOL), aparece numericamente à frente de Russomanno e Márcio França (PSB), mas é uma diferença muito pequena” afirmou.

Sobre a possibilidade de o PT, nesta reta final de campanha, anunciar apoio a Boulos – apesar de ter candidatura própria com Jilmar Tatto –, ela afirmou que fotos do partido dizem que essa possibilidade está “próxima de zero”.

“Ou seja, se tiver esse voto útil de esquerda, terá que ser organicamente, via militância. Vai ficar na mão do eleitor esse movimento, se ele acontecer.”

Em off
Quadro Em Off, com Daniela Lima, na CNN Rádio
Foto: CNN Brasil

Mais Recentes da CNN