Defesa de Daniel Silveira tem encontro marcado com Alexandre de Moraes nesta quarta

Representantes do deputado devem argumentar sobre o indulto concedido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), uso de tornozeleira e bloqueio das contas bancárias

Gabriela CoelhoGabriel Hirabahasida CNN

em Brasília

Ouvir notícia

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), marcou para esta quarta-feira (18) um encontro presencial com a defesa do deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ).

O deputado aumentou a equipe de advogados “para tentar uma nova estratégia jurídica” e a defesa do parlamentar já havia pedido audiência com o ministro do STF em outra ocasião, solicitação que foi negada à época.

Segundo a defesa, o pedido foi apresentado diante da urgência do caso, “de forma que seja possível que as razões veiculadas no recurso possam ser objeto de diálogo respeitoso e técnico”. Em outras palavras, a defesa quer argumentar sobre o indulto concedido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), uso de tornozeleira e bloqueio das contas bancárias.

O deputado federal foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal no mês passado por ataques à Corte e à democracia. Pouco tempo depois da decisão do STF, porém, Silveira recebeu perdão da pena por Bolsonaro, através de um decreto de “graça constitucional”.

Mais Recentes da CNN