Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em dia de prisão de comandante, PMs entram em alerta com medo de novas detenções

    Policiais se reuniram no quartel do choque da PM de Brasília nesta noite, após corrente de mensagens no whatssapp alertar para novas prisões. Justiça não confirma novos mandados

    Basília Rodrigues

    Mensagens de WhatssApp que circulam em grupos da PM de Brasília causaram pânico entre policiais militares que temem novas prisões, após o ex-comandante geral da corporação Fábio Augusto Vieira ir para cadeia, nesta terça-feira.

    Uma das mensagens mais compartilhadas alerta para a existência de 108 mandados de prisão que recairiam sobre policiais. O Supremo Tribunal Federal não confirma se haverá novos mandados de prisão, além da já conhecida ordem de mandar prender o ex-secretário de Segurança Pública, Anderson Torres e o comandante da PM.

    A CNN conversou com oficiais e praças que estiveram na ação de segurança que fracassou no domingo. Eles contaram que chegaram a acionar advogados com medo de que sejam os próximos alvos da justiça.

    Na noite desta terça-feira, comandantes e policiais de alta patente se reuniram no quartel do choque da PM de Brasília para avaliar a situação. De acordo com relatos, o sentimento é de injustiça e inconformidade com a prisão do ex-comandante.

    Também na terça-feira, o interventor na segurança do Distrito Federal, Ricardo Cappelli, exonerou todos os comandantes que tinham atribuição operacional no dia dos atos criminosos contra as sedes dos Três Poderes em Brasília.