Empresário diz à PF que disponibilizou aeronave particular a Daniel Silveira

Segundo Otávio Fakhoury, valor da movimentação ficou em R$ 10 mil, pagos pelo próprio parlamentar

Empresário Otávio Fakhoury
Empresário Otávio Fakhoury Leopoldo Silva/Agência Senado

Gabriela Coelhoda CNN

em Brasília

Ouvir notícia

O empresário Otávio Fakhoury, que é presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) em São Paulo, afirmou à Polícia Federal (PF) que colocou um jato particular à disposição do deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ).

Segundo Fakhoury, o valor da movimentação ficou em R$ 10 mil, pagos pelo próprio parlamentar.

Com isso, Silveira conseguiu comparecer a dois protestos bolsonaristas no Rio de Janeiro, em Niterói e na praia de Copacabana, e ainda esteve presente na avenida Paulista, em São Paulo.

Em 4 de maio, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), havia determinado que a Polícia Federal realizasse a oitiva do empresário.

Segundo ele, a mulher de Daniel Silveira teria falado que o parlamentar perderia o voo e pediu que Fakhoury cedesse a aeronave.

O empresário, que é investigado em outro inquérito e neste é apenas testemunha, disse ainda que por haver um indulto e pelo parlamentar estar sem tornozeleira, não achou que estivesse descumprindo ordem judicial.

O parlamentar está proibido de frequentar lugares públicos.

Mais Recentes da CNN