Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Estão dadas as provas para que Bolsonaro seja processado, condenado e preso, diz Kim Kataguiri

    À CNN, deputado federal comentou as revelações feitas nesta semana pelo senador Marcos do Val (Podemos-ES)

    Layane SerranoLucas Schroederda CNN

    em São Paulo

    O deputado federal Kim Kataguiri (União Brasil-SP) afirmou, em entrevista à CNN neste sábado (4), que “estão dadas as provas para que o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) seja processado, condenado e preso”. O parlamentar comentava as revelações feitas pelo senador Marcos do Val (Podemos-ES).

    Segundo Do Val, ele teria participado de uma reunião com o ex-deputado federal Daniel Silveira e Bolsonaro, na qual o ex-parlamentar teria apresentado um plano para anular as eleições presidenciais e manter o ex-presidente no poder.

    “Ao somar isso [reunião] à minuta de decreto de golpe encontrada na casa do ex-ministro da Justiça [Anderson Torres] com o próprio Bolsonaro divulgando notícia falsa dizendo que as eleições foram fraudadas depois dos atos terroristas em Brasília, para mim estão dadas as provas para que Bolsonaro seja processado, condenado e preso”.

    “Centrão vai cobrar fatura de Lula”

    O deputado federal acrescentou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve ter mais dificuldades do que imagina na Câmara dos Deputados.

    “O centrão vai cobrar a fatura de Lula após reeleger Arthur Lira (PP-AL). O PSD, por exemplo, não vai se contentar com o Ministério da Pesca”, disse.

    Kim Kataguiri pontuou que defende uma “oposição programática”. “Não é porque o governo enviou um projeto que eu vou votar contra. Eu vou votar contra se for contra os meus valores”.

    Ao ser questionado sobre os trâmites para a reforma tributária, ele reiterou ser impossível aprovar a proposta ainda no primeiro semestre, como defende o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.