Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fake news podem ter consequências dramáticas e estão impedindo socorro adequado no RS, diz Lewandowski

    Ministro pediu a investigação dos conteúdos falsos sobre as enchentes à Polícia Federal

    Ministro pediu à Polícia Federal a investigação dos conteúdos falsos sobre as enchentes
    Ministro pediu à Polícia Federal a investigação dos conteúdos falsos sobre as enchentes Reprodução/CNN

    Douglas Portoda CNN

    São Paulo

    O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, afirmou, nesta sexta-feira (10), que as fake news podem ter consequências dramáticas e estão impedindo o socorro adequado às vítimas das fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul.

    A fala aconteceu antes da 1ª edição do ciclo de debates “Um Futuro mais Sustentável: Desafios institucionais e jurídicos para a economia circular”, em São Paulo.

    “As fake news podem ter consequências realmente dramáticas e constituem um crime quando há impacto, por exemplo, sob atuação das forças de segurança”, explicou Lewandowski.

    “As fake news hoje, no Rio Grande do Sul, estão impedindo o socorro adequado às vítimas, lamentavelmente. Mas isso será apurado devidamente”, prosseguiu.

    Na última terça-feira (7), o ministro pediu à Polícia Federal a investigação dos conteúdos falsos sobre as enchentes. Na ocasião, foi acolhida uma solicitação do ministro da Secretaria de Comunicação Social (Secom), Paulo Pimenta.

    A Secom enviou a Lewandowski uma relação de publicações com informações falsas sobre o desastre gaúcho ao mesmo tempo em que solicitou a adoção de providências.

    Segundo o governo, posts errôneos afirmam, por exemplo, que a gestão Lula não estaria ajudando a população e que o Exército e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) estariam impedindo a chegada dos caminhões de auxílio.