Governador em exercício do Rio vai ao Planalto e ficará para posse de Fux

Cláudio Castro esteve em uma reunião com o ministro da Casa Civil, Braga Netto, e com o presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães

Basília Rodriguesda CNN

Ouvir notícia

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, esteve na manhã desta quarta-feira (9) no Palácio do Planalto em uma reunião com o ministro da Casa Civil, Braga Netto, que comandou em 2018 a intervenção federal no Rio. A conversa reforça a aproximação do substituto de Wilson Witzel com o governo de Jair Bolsonaro.

Depois de deixar o Planalto, Cláudio Castro esteve com o presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, que também é original do Rio.

Leia também:

Quem é Cláudio Castro, o cantor católico que assume o lugar de Witzel no RJ

Bolsonaro aprova ida de Cláudio Castro para o governo do Rio

Cláudio Castro diz a Freixo que não vai interferir no caso Marielle

Agenda intensa para o político que diz não gostar de ser chamado de “governador”, que esse título é de Witzel e não dele. Hoje à tarde, ele terá uma reunião virtual com o BID, o Banco Interamericano de Desenvolvimento. 

De acordo com auxiliares, ao saber que Bolsonaro estará nesta quinta-feira, em um evento militar, no Rio, Castro decidiu retornar à capital fluminense também, ainda que por algumas horas.

Ele viaja de novo para Brasília, no mesmo dia. Castro participa da cerimônia de posse do presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, nesta quinta. O ministro também é fluminense.

O governador em exercício Cláudio Castro, que assumiu o governo do RJ
O governador em exercício Cláudio Castro, que assumiu o governo do Rio de Janeiro após o afastamento de Wilson Witzel
Foto: Reprodução/CNN (4.set.2020)

 

Mais Recentes da CNN