Governo tenta acordo com STF

O ministro da Justiça, André Mendonça, procurou ministros da corte para tentar distensionar o ambiente político

Caio Junqueirada CNN

Ouvir notícia

O governo tenta um acordo com o Supremo Tribunal Federal. Nesta sexta-feira (29), o ministro da Justiça, André Mendonça, procurou ministros da corte para tentar distensionar o ambiente político.

Na mesma toada, do hospital, o presidente do STF, Dias Toffoli, que esta afastado do cargo após passar por uma cirurgia, falou com ministros da ala militar do governo. O presidente em exercício da corte, Luiz Fux, fez o mesmo movimento.

O governo então decidiu que o melhor era o ministro da Educação, Abraham Weintraub, ir depor. Em troca, Fux, conforme informou a analista de politica Basilia Rodrigues, deixou claro que só tomará uma decisão sobre a suspensão do inquérito das fake news quando Toffoli retornar.

“É suicídio brigar com o STF. Se o STF quiser, derruba o presidente”, disse à CNN um interlocutor do presidente. Por sua vez, um ministro do STF declarou sob reserva à CNN: “O governo reavaliou a situação. Tem o ‘mata e esfola’ do presidente e depois caíram na real”.

Pesou na avaliação do governo a possibilidade de o acirramento dos ânimos resvalar nos processos que correm no Tribunal Superior Eleitoral e que podem cassar a chapa de Bolsoanro e do vice, Hamilton Mourão. A ideia de Alexandre de Moraes, que conduz a investigação das Fake News no STF, é incluir as provas levantadas nessa investigação nos processos da corte eleitoral.

Mais Recentes da CNN