Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Ipec para governo do MS: Puccinelli tem 31% e Riedel, 18%; Trad e Contar empatados com 17%

    Pesquisa ouviu 800 pessoas entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro; margem de erro é de 3 pontos percentuais

    Os candidatos para o governo de Mato Grosso do Sul: André Puccinelli (MDB),Eduardo Riedel (PSDB),Marquinhos Trad (PSD),Capitão Contar (PRTB) e Rose Modesto (União Brasil)
    Os candidatos para o governo de Mato Grosso do Sul: André Puccinelli (MDB),Eduardo Riedel (PSDB),Marquinhos Trad (PSD),Capitão Contar (PRTB) e Rose Modesto (União Brasil) Arte CNN

    Da CNN

    em São Paulo

    Pesquisa TV Morena/Ipec para o governo de Mato Grosso do Sul, divulgada neste sábado (1º), mostra o ex-governador André Puccinelli (MDB) à frente, com 31% dos votos válidos. Depois aparecem Eduardo Riedel (PSDB), com 18%; Marquinhos Trad (PSD), com 17%; Capitão Contar (PRTB), com 17%; e Rose Modesto (União Brasil), com 13%. Os quatro estão tecnicamente empatados. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

    Os votos válidos, que excluem os votos em branco e nulos, determinam o resultado das eleições. Nas disputas para presidente e governador, o candidato que atinge mais de 50% dos votos válidos vence as eleições no primeiro turno. Caso nenhum alcance esse percentual, é realizado um segundo turno.

    Giselle Marques (PT) soma 3%, enquanto Adonis Marcos (PSOL) tem 1%. Magno Souza (PCO) não pontuou.

    A pesquisa ouviu 800 pessoas entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-07024/2022.

    Primeiro turno – votos válidos

    Intenção de voto estimulada para governador

    • André Puccinelli (MDB): 31%;
    • Eduardo Riedel (PSDB): 18%;
    • Marquinhos Trad (PSD): 17%;
    • Capitão Contar (PRTB): 17%;
    • Rose Modesto (União Brasil): 13%;
    • Giselle (PT): 3%;
    • Adonis Marcos (PSOL): 1%;
    • Magno Souza (PCO): 0%.

    (Publicado por Júlia Vieira)