Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Itamaraty cancela reunião e cria mal estar com presidente de Angola

    Comitiva do presidente angolano estava embarcando nos veículos para o encontro quando soube do cancelamento

    Marcos Guedesda CNN

    Em São Paulo

    O presidente de Angola, João Manuel Gonçalves Lourenço, de 68 anos, retornou ao seu país sem se encontrar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A reunião estava marcada para às 15h de segunda-feira (2) no Palácio do Itamaraty, mas foi cancelada momentos antes de acontecer.

    O incidente teria deixado o político extremamente irritado, segundo relatos feitos à CNN.

    De acordo com pessoas que acompanharam a comitiva angolana, Lourenço chegou ao Brasil na última sexta-feira (30) e acompanhou a posse do presidente Lula com outros 17 chefes de estado.

    Ele chegou a participar da cerimônia promovida pela Presidência da República no Palácio do Itamaraty no domingo (1°).

    Na tarde de segunda, quando alguns componentes da comitiva do presidente angolano já haviam deixado o hotel Royal Tulip e começavam a embarcar nos veículos para a reunião que aconteceria no Palácio do Itamaraty, que fica a cerca de 5 quilômetros de distância, foram informados sobre o cancelamento.

    Neste momento, Lourenço teria se irritado e programado o retorno para Angola sem remarcar uma nova data para a reunião. Segundo fontes, depois de Brasília, havia uma programação anterior em que Lourenço se dirigiria para o litoral baiano, na cidade de Trancoso, para encontrar o restante da família que passa férias no local.

    Entretanto, após se irritar, mudou de ideia e acabou indo direto para a capital angolana, Luanda.

    A embaixada de Angola no Brasil confirmou que o presidente embarcou na manhã desta terça-feira (3), mas não forneceu mais detalhes sobre a suposta irritação do presidente. O Itamaraty foi consultado para comentar o ocorrido, mas até o momento não retornou o contato da reportagem.