Já estamos em período pré-eleitoral para 2022, diz cientista político

O cientista político Murilo de Aragão conversou com a CNN sobre a estratégia do presidente Jair Bolsonaro para garantir uma possível reeleição em 2022

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Após a tensa sessão na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia com o ministro da Saúde Marcelo Queiroga e a elevação do tom do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em defender a hidroxicloroquina e atacar o isolamento social e governadores, o cientista político Murilo de Aragão caracterizou o atual momento do Brasil como um “período pré-eleitoral”.

“A campanha de 2018 começou muito cedo também. Bolsonaro sobe o tom porque sabe que os seus simpatizantes mais fiéis gostam dessa narrativa quase bélica”, disse Aragão em entrevista à CNN

O cientista político também afirmou que uma ruptura institucional não seria possível de acontecer no país, pelo fato de não existir uma força política com energia para promovê-la.

“É um cálculo político como outros elementos, mas sem grandes considerações.”

Outro ponto abordado por Aragão foi a resposta do mercado com relação ao período político conturbado do Brasil.

“Há uma intranquilidade com relação à elevação do tom. O mercado preferiria obviamente que o ambiente político fosse mais tranquilo.” 

Cientista político Murilo de Aragão fala sobre o atual cenário político
O cientista político Murilo de Aragão conversou com a CNN sobre o atual cenário político do Brasil (06.mai.2021)
Foto: Reprodução / CNN

Mais Recentes da CNN