Luis Miranda presta depoimento à Polícia Federal sobre caso Covaxin

Inquérito apura a suposta prevaricação de Bolsonaro sobre as denúncias de irregularidades nas negociações da vacina indiana

Galton Sé, da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

O deputado Luis Miranda (DEM-DF) prestou depoimento à Polícia Federal (PF) nesta terça-feira (27). O inquérito em que o deputado foi ouvido apura a suposta prevaricação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre as denúncias de irregularidades nas negociações da vacina indiana Covaxin.

Sem a presença de um advogado, o parlamentar falou aos oficiais por cerca de quatro horas. Após depor, ele ressaltou à imprensa que compareceu como testemunha. 

Segundo Miranda, ele citou um delegado da PF que conversou com o irmão dele, o servidor do Ministério da Saúde Luis Ricardo Miranda. No entanto, o parlamentar não tornou público o nome do policial.  

O deputado também levou ao depoimento uma série de documentos e afirmou que colocou o seu celular à disposição dos investigadores. De acordo com Miranda, ele não gravou a conversa que teve com Bolsonaro sobre as denúncias das negociações do imunizante. 

Deputado Federal Luis Miranda (DEM-DF)
Deputado Federal Luis Miranda (DEM-DF)
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Mais Recentes da CNN